#CéuAstrológico - Marte entra em Peixes


Existe uma força muito grande nos levando a mergulhar. A coragem de olhar para dentro, desbravando nossos lugares conflituosos. Uma amiga me disse ontem: quanto mais entramos no inconsciente, mais choramos. É exatamente isso que significa Peixes. É como descascar as cebolas: a cada camada que aprofundamos, nos tornamos mais emotivos e também mais serenos e compassivos, porque conseguimos nos ver em cada situação. Conseguimos ver que tudo está dentro de nós e é ali que reside o conflito. Para escapar de uma situação difícil: desbrave a si mesmo! A saída é pra dentro! O Guerreiro entrou em Peixes, mergulhou nas águas confusas, nebulosas e contrárias de Peixes e está junto da Lua sob a orientação amorosa de Saturno em guerra com seu regente Júpiter. É preciso se harmonizar para encontrar a saída, para pôr as idéias em ordem. Talvez não seja nada fácil ir contra seu próprio pai Júpiter, mas temos a força do outro Pai: Netuno que pede o mergulho, vem pedindo desde 2012 ... e continuará pedindo até 2026. Netuno fica 14 anos em cada signo! Até 2026 o Planeta vai ter que entender que ter espiritualidade não é ter religião e que ter espiritualidade é condição essencial pra viver na matéria e vice-versa. Vamos ter de entender de uma vez por todas que somos seres espirituais em uma jornada terrena. É em Peixes, nas águas profundas do inconsciente que encontraremos as curas pra TUDO que buscamos. Mas Netuno é amor, mas é também ilusão, medo, conflito... Ele dissolve e ele abarca tudo. Nele existe tudo e nada. Ele não descarta nada, une tudo. Está na hora de se aceitar integralmente e a partir de um encontro amoroso e profundo consigo mesmo, se transformar. Se aceitar, se amar e transcender. Não apenas se conformar, mas se curar. Existe o autoconhecimento e existe o autoconformismo. Outra coisa nesse período é a coragem de realizar nossos sonhos, a coragem de sermos melhores, amorosos, generosos, voluntariosos.... dando nosso melhor. Tatta Gentil #luacrescente #peixes #marte #inconsciente #curas #realizações