Solstício de Verão – Festival de Litha

Sol em Capricórnio, Lua Gibosa em Gêmeos (quase cheia) e a chegada do verão no sul e inverno no norte! Um momento de Soberania sobre as sombras no Sul, e o contrário no Norte, onde o nascimento do Deus Sol traz a esperança sobre as sombras, daí o porquê a igreja Católica dizer que foi em Dezembro que nasceu Jesus, para abafar o Festival de Yule no Hemisfério Norte onde os pagãos, os Celtas, honravam o nascimento da Criança Prometida para que eles pudessem vencer as sombras do Inverno. Este é um período (no Norte) de fortalecimento interior e de total movimento descendente. No Solstício de Inverno os poderes da noite e da terra atingem o seu ápice. O hábito de trazer pinheiros para dentro de casa é um hábito totalmente pagão: o Pinheiro, o azevinho, e tantas outras árvores tão utilizadas no Natal são árvores cujas as folhas perenes e sempre verdes, e por isso simbolizam a continuação da vida. Os sinos são símbolos femininos de fertilidade, e anunciam os espíritos que possam estar presentes. É desta data antiga que se originou o Natal Cristão. E por tudo vir do Norte, somos mega influenciados por essa tradição aqui também no Sul.

Na verdade, deveríamos estar festejando o Verão, o festival de Litha, e não o Inverno como eles fazem. O Natal é o festival de Yule, a Chegada do Inverno e da Criança Prometida. O festival do Solstício de Inverno representa, basicamente, o ciclo de morte e renascimento.

A Terra é dual, YIN e YANG, para que tudo seja equilíbrio, o normal seria que nós estivéssemos em outra energia, e eles lá, sim, no clima de Natal.

Eu amo Natal porque é Mágico, é CELTA. Mas, sinto que não cabe muito esse clima pro Verão, não faz muito sentido.

O Solstício do Verão marca do dia mais longo do ano, quando o Sol está no seu zênite. Esse dia sagrado simboliza o poder do sol. Aproveite para meditar sob o sol da manhã, celebrando durante todo o dia até o anoitecer, trazendo assim, toda magia solar para o seu interior. Esta é a época para se homenagear o Sol e nas tradições pagãs costuma-se pular fogueiras para a purificação, a fertilidade, a saúde e o amor. Período de materialização de todas as nossas esperanças, onde projetos, sonhos e desejos lançados na época do plantio, começam a dar seus frutos, conforme o seu merecimento, tornando-se realidade. Celebre e agradeça aos Deuses por mais este ciclo de expansão.

Devemos acreditar em nossa voz, nossa ideia e jogar para o Universo nossa Magia, invocando nossa força!

Abracadabra! Assim eu digo, assim é!

Eu falo e honro meu nome e meus antepassados nesse tempo espaço, juro ser fiel a mim mesma, ao som de minha alma, ao encanto do meu espírito e ao poder de criação que me foi dado em herança de meu Pai e minha Mãe Sagrados.

Abro espaço em minha mente para que nasçam novas ideias e que se materializem novos seres, novas experiências, novas jornadas.

Eu sigo sendo plenamente Magia e Luz.

Tatta Gentil

#litha #verão #cernunnus #fertilidade #sol #materialização #florescer